Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Garça, Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020 Telefone (14) 3407-6600

Atendimento Atendimento: De Segunda a Sexta das 8:00 às 17:00 Horas

Transparência Covid 19
IPTU 2020
Visite Garça
Desenvolvimento
Domi
27/09
36 °C
24 °C
Índice UV
11.0
Segu
28/09
36 °C
27 °C
Índice UV
11.0
Ter
29/09
36 °C
19 °C
Índice UV
11.0
Quar
30/09
39 °C
22 °C
Índice UV
11.0

Saúde - Sexta-feira, 31 de Julho de 2020

Notícias por Categoria

Serviço de telemonitoramento é implantado no combate à Covid-19 em Garça


Desde quinta-feira, dia 30, a Atenção Básica à Saúde de Garça disponibiliza a todos os pacientes, tanto com resultado de exame positivo para Covid-19 quanto suspeito da doença ou com Síndrome Gripal, um serviço de telemonitoramento com profissionais da saúde, por meio de parceria entre a Prefeitura de Garça e a Sociedade Beneficente Caminho de Damasco (SBCD), gestora da atenção básica no município.

O serviço é regulamentado em portaria enquanto reforço no combate ao avanço do número de casos de coronavírus, evitando o deslocamento desnecessário dos pacientes em caso de dúvidas, como também, o monitoramento precoce dos sintomas e piora do quadro clínico. A ação também fornece tranquilidade ao paciente para que se mantenha em casa e para dividir suas dúvidas e ansiedades.

O Projeto Telemonitoramento de Garça é desenvolvido e centralizado na sede administrativa da SBCD. Em escala de plantão, dois profissionais das Unidades de Saúde da Família com acesso às informações das pessoas que passaram por consulta na rede pública, seja nas USFs ou UPA, fazem ligações aos pacientes que serão prontamente direcionados e orientados conforme evolução e referências dos sintomas (pioras). Os atendimentos garantem a integridade, a segurança e o sigilo das informações.

As equipes trabalham de forma integrada, com apoio entre profissionais de nível superior e de nível técnico, facilitando o fluxo de informação e decisão. Em caso de agravamento dos sintomas do paciente, seja ele positivo ou suspeito, ou ainda, do aparecimento de mais casos suspeitos no domicílio, a Unidade de Saúde da Família de referência do paciente será informada imediatamente e entrará em contato com o paciente para atendimento em consultório ou em domicilio. 

Segundo a secretária municipal de Saúde, Nátalli Gaito Cruz, o monitoramento via telefone já acontecia pela pelas Equipes de Saúde da Família e também pela Vigilância Epidemiológica, porém hoje, o telemonitoramento vem para centralizar e facilitar as tomadas de conduta. “Além do aumento do número de casos positivos, no decorrer dos dias, após a análise dos exames, o paciente suspeito também poderá evoluir, ou para um paciente positivo para Covid-19 ou negativo, e essa central de monitoramento irá entrar em contato com o paciente todos os dias, monitorando os sinais, sintomas e possíveis agravamentos que ele possa a ter”. 

Laís Zwicker, coordenadora técnica administrativa/assistencial da SBCD, também exaltou o serviço. “É muito importante que a atenção primária, em todos os aspectos, tenha o acolhimento aos pacientes, não só no monitoramento, como também no atendimento. Então, o telemonitoramento vem para somar nessa questão de atendimento com qualidade ao paciente. Também iremos reforçar a informação da necessidade do isolamento, da conscientização desse processo e da importância de todas as medidas para preservação da saúde do paciente”. 

Com 96 casos confirmados e dois óbitos, a secretária da saúde também falou sobre o momento difícil da pandemia no município. “O objetivo desse projeto, além de fazer uma intervenção o mais rápido possível nos casos de agravamento da doença, também é levar a conscientização de que chegou o momento das pessoas enfatizarem a importância do distanciamento social, do uso de máscaras e da higienização. Agora, é o momento de maior atenção, haja vista que desde o final de fevereiro as ações vinculadas à Covid-19 estão sendo executadas por toda a Rede de Saúde Pública, mas agora é notório a fase de aceleração da doença em nosso município. Então, o serviço de telemonitoramento veio para reforçar ações que já estão acontecendo”, finalizou a secretária. 

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Conheça Garça

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

Nenhuma unidade fiscal cadastrada no momento!