Reunião extraordinária do consórcio intermunicipal CICOP define nova diretoria

Meio Ambiente e Agricultura - Terça-feira, 12 de Janeiro de 2021


Reunião extraordinária do consórcio intermunicipal CICOP define nova diretoria

Aconteceu na manhã de segunda-feira, 11 de janeiro de 2021, no auditório do SAAE em Garça, uma reunião extraordinária entre os representantes dos oito municípios que integram o consórcio intermunicipal de gestão de manejo de resíduos sólidos do centro oeste paulista, CICOP: Alvinlândia, Álvaro de Carvalho, Fernão, Gália, Garça, Guarantã, Júlio Mesquita e Lupércio. Somente Gália não enviou representante.

O principal motivo para a formação deste consórcio é resolver um problema de todos as cidades participantes: implantar um aterro sanitário que atenda todos os integrantes. 

O Prefeito João Carlos, atual presidente, falou sobre a reunião: “Nesta reunião primeiro nós apresentamos o consórcio aos novos Prefeitos e representantes, apresentamos as iniciativas e os nossos objetivos, reorganizamos a diretoria, já que dois prefeitos que integravam a diretoria não mais estão na administração pública e nós elegemos o Prefeito de Guarantã, Marcos Roberto Frugeri, para ocupar a vaga de vice presidente do consórcio e o Prefeito de Fernão, José Valentim Fodra, como tesoureiro. Eu continuo como Presidente e a Prefeita de Alvinlândia, Abigail Cateli Dias, continua como nossa secretária”.

O consórcio está terminando a primeira avaliação do Plano Regional de Resíduos Sólidos, e João Carlos aproveitou para falar sobre a intenção da implantação de um aterro sanitário para todos os oito municípios: “Nós estamos trabalhando conjuntamente para trazer uma solução adequada para poder minimizar os impactos da questão que trata do lixo domiciliar. Todos os municípios vêm sofrendo com a limitação dos seus aterros sanitários, e é uma preocupação que tenhamos, em um curto espaço de tempo, uma solução que atenda a demanda dos oito municípios de uma forma adequada tecnicamente. Já estamos em fase bem avançada em entendimentos com apoio da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do estado de São Paulo e também com o IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas – e com uma empresa da iniciativa para estruturação das nossas idéias e projetos, e implantar esta solução definitiva”.

O Prefeito informou que Garça goza de uma condição favorável já que o aterro da cidade está com a licença em vigor, mas com certeza em algum momento este aterre terá que ser encerrado.

Parceria com a iniciativa privada 

João Carlos dos Santos detalhou os benefícios que podem ser colhidos por todos os oito integrantes do consórcio em relação a esta parceria: “Nós tivemos conhecimento deste projeto que traz tecnologia nas questões do lixo, esta empresa foi indicada pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do governo do estado de São Paulo para que possamos fazer um piloto dentro do consórcio. Todos os oito municípios produzem um volume considerado pequeno de lixo, algo em torno de 50 toneladas dia, e tem como objetivo não enterrar mais o lixo. E mais importante que não enterrar o lixo novo é poder se desfazer do passivo ambiental, que é aquele lixo que foi enterrado durante décadas. É isto que nós queremos com a efetivação desta parceria entre o CICOP e esta empresa de tecnologia”. 

Prefeitura Municipal


Garça